Inspeção Automóvel

Este ano o Código Brasileiro de Trânsito completa 10 anos, e com ele a obrigatoriedade da inspeção dos automóveis, estabelecida no artigo 104 daquela lei, e que espera desde 2001 a regulamentação do Congresso Nacional onde ainda esta em tramitação.

Um dos motivos da regulamentação da inspeção de automóveis ficar engavetada, é que ninguém, ou seja, nenhum político, quer assumir a pecha de ser o responsável pelo recolhimento dos carros que não passarem pelas inspeções de automóveis conforme o regulamento do Código de Trânsito, uma vez que segundo o Denatran cerca de 30% dos veículos brasileiros não passariam na inspeção do automóvel, e com certeza muitas dessas pessoas não tem condições de comprar outro automóvel.

Enquanto no Brasil a regulamentação da Inspeção dos automóveis fica engavetada, os automóveis na Alemanha já passam por esse procedimento há mais de 90 anos. A inspeção do automóvel tem um preço acessível e é rápida, são vistoriados itens como emissão de poluentes, estado dos pneus, estado da lataria, funcionamento dos freios, suspensão e motor, e se algum item não estiver de acordo o proprietário é notificado e tem 30 dias para se adequar.

No Brasil no entanto, continua sendo feita a inspeção básica do automóvel, na hora da transferência e algumas outras ocasiões pré-determinadas, enquanto isso carros antigos e novos continuam soltando seus poluentes livremente pelo ar, sem que sejam tomadas providencias. Carros com adaptação para o combustível gás natural, precisam passar nos centros de inspeção para fazer uma insteção do automóvel periódica, obrigado por lei.

Carros Tunados - Artigos de Automóveis mais visitados